Flamengo Goleia Ceará e bate recorde de vitórias na entrega da taça do brasileirão

Com título nas mãos Rubro-Negro aplica uma virada estilo Jorge Jesus, para cima dos visitantes, com três gols de Bruno Henrique e um de Vitinho e bate recorde com invencibilidade de 26 jogos na era dos pontos corridos.

Texto: Bruno Machado
Edição: Vinícius Marques

Campeão brasileiro, o Flamengo já entrou em campo festejando o título. O Vovozão fez de tudo para acabar com a festa de 67.539 torcedores presentes no Maracanã, tratou logo de jogar um balde de água fria na nação Rubro-Negra, com um gol na etapa inicial de Thiago Galhardo.

Depois de um primeiro tempo de muita posse de bola, mas sem gols da equipe Rubro-Negra a torcida temeu receber a taça diante de um resultado negativo. Sendo assim, depois do susto do primeiro tempo, o Mister recordes, foi para cima dos visitantes que estavam à frente no placar, e dominou todo segundo tempo da partida válida pela 35º rodada, no Maracanã, o Fla, acabou virando o jogo e goleou o Ceará por 4 a 1, com três gols de Bruno Henrique e um de Vitinho.

O flamengo entrou em campo com a ressaca da comemoração do título da Libertadores. No primeiro tempo teve o total controle de posse de bola mais o gol não saiu. O Ceará que não tinha nada a ver com o momento de comemoração do time adversário saiu na frente no placar. O gol, foi marcado em uma boa jogada pelo lado esquerdo com a finalização de Galhardo. A virada do campeão começou a nascer no primeiro tempo, quando o time que estava à frente no placar recuou para garantir o resultado.

Na volta para o segundo tempo, Jorge Jesus com sua alta performance de ataque, manteve seu time à frente sempre atacando com toda força o Ceará. O Vovozão, todo recuado para manter o resultado, tirou Thiago Galhardo dono do abatimento da nação rubro-negra. Sorte ou azar não sabemos, os talentos do Flamengo começaram a pressionar e de tanto insistir com bolas  na trave, Bruno Henrique e Vitinho viraram para 4 a 1. Já abatido na segunda etapa os visitantes assistiram de camarote o show da torcida que era a dona da casa, na festa do título.

A comemoração da nação Rubro-Negra, foi como está em um terremoto de magnitude de 9,5 graus na Escala Richter, a magnética da torcida era o endereço certo do epicentro da vibração, provocando a sensação de ponto final, na rica história de cheirinho das torcidas organizadas rivais. Jorge Jesus ovacionado, recebe o título e o reconhecimento de 67.539 torcedores presentes no Maracanã, acompanhando o estádio lotado gritando Mister Mister a invencibilidade no maraca é nossa.

O Mister recordes, time, escreveu sua história, pintou outra vez o Brasil de vermelho e preto. E pós um ponto final na ansiedade que acampava nos corações flamenguistas que se derramavam em palpites, estratégias, até mesmo na própria confiança que o time construiu durante o cenário de festa que foi o campeonato brasileiro para o mengão.

Já com o título garantido, Rubro-Negro vê Vozão abrir o placar, mas vira com hat-trick de Bruno Henrique e alcança pontuação histórica no Brasileirão de pontos corridos com 20 times

Araguaia Online - Equipe

Read Previous

Graduandos do curso de Engenharia Civil da Faculdade Araguaia realizam arrecadação de tampinhas, para projeto Tampa Mania, na unidade Bueno

Read Next

Qual será o próximo recorde? Quem pode segurar esse time recordes? Apenas Gabi Gol, Bruno Henrique são capazes de dizer! Aqui é outro nível!