Programa Intervalo de Aula apresenta novas formas de educar


Foto: Reprodução

Educar e inovar na forma de transmitir conhecimento a crianças, jovens e adultos, por meio de quadros atrativos que buscam envolver professores e alunos, além de profissionais de áreas distintas. Esse é objetivo do programa Intervalo de Aula, realizado pela da Faculdade Araguaia (FARA).
O foco do programa é discutir e debater questões ligadas à educação. Apresentado pela professora mestre Tatiana Carilly, tem conquistado público cativo. Segundo a docente, o Intervalo de Aula é pioneiro na área de educação. “Mostramos a realidade, verdades e construções. É um programa diferente do que já se viu na TV goiana, analisa.

Idealização

Transmitido aos domingos às dez horas da manhã pela TV Goiânia Band, o programa foi planejado pela direção da Universidade para dar voz aos professores. Para o reitor da FARA Arnaldo Cardoso, o professor é o principal agente promotor da educação, e muitas vezes sua opinião e colocada em segundo plano.
Com o slogan “Professores e professoras debatem a educação”, o programa prioriza a imagem desse profissional, mas também são tratados outros assuntos. De acordo com o professor Arnaldo, o curso de pedagogia da FARA atingiu a maior nota na educação, e isso explica a valorização desses profissionais por parte da instituição. “Entendemos que a educação sem o professor não se sustenta”, avalia.

O início

Dentre as principais preocupações do projeto estava o receio de como o público jovem aceitaria – e se aceitaria – um programa nesse formato e quais caminhos seguir para lançar essa maneira de fazer educação.
Um dos primeiros desafios foi criar a identidade visual do programa. Estife Kalil, produtor e editor do Intervalo de Aula, ressalta a dificuldade de se chegar a um consenso sobre como um programa sério atingiria todos os públicos, desde crianças a adultos. “Geralmente quem fala sobre educação são professores, e a real preocupação era como o público jovem absorveria as informações,” pontua Kalil.

Quadros

O Intervalo de Aula traz diversos quadros, debates e busca entreter o público. O quadro “O Professor de quê?” consiste em interromper determinada aula para falar sobre a importância da disciplina e esclarecer possíveis dúvidas de uma forma dinâmica. “É o momento em que o professor fala sobre ele mesmo, sua formação e seu currículo,” destaca Bruno Haringl, repórter e produtor do quadro.
O cinema está inserido no contexto do projeto como uma forma de educar por meio de filmes inseridos no plano educacional um olhar diferente. Também são levantados temas ligados às crianças: “Infância na Retina”, por exemplo, trata de assuntos variados vistos pelo olhar de uma criança.

Futuro

O programa, já em sua 35ª edição, é gravado e produzido no estúdio de TV da instituição, onde são usados recursos da própria instituição. O professor Arnaldo destaca que o próximo passo é selecionar acadêmicos de Jornalismo e Publicidade, para que possam atuar com repórteres, redatores e até mesmo apresentadores. “Uma espécie de laboratório”, conclui.
No intuito de atender às pessoas que por algum motivo não acompanham as transmissões do programa pela TV, a FARA disponibiliza as edições no Youtube e em sua página no facebook

_________________

Escrito pelas alunas Anna Carolina, Jainária Tomás e Juliana Gomes
Matéria produzida na disciplina Agência de Notícias sob orientação da professora Patrícia Drummond.

1 13 14 15